Preço do aluguel tem alta nominal de 3,45% no primeiro semestre

Barueri teve um aumento de 0,47% no mês passado (Foto: Gajus/123rf.com)
O preço do aluguel de imóveis residenciais subiu 3,45% no primeiro semestre de 2019. Isso foi o que revelou uma pesquisa feita em 25 cidades pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), em parceria com o grupo Zap, o chamado Índice FipeZap de Locação Residencial.
O resultado supera a inflação de 2,23%, calculada pelo IPCA (IBGE), mas se mantém abaixo da inflação de 4,38%, medida pelo IGP-M (FGV). O valor médio de locação residencial, em comparação entre a variação acumulada do Índice FipeZap e o IPCA acumulado, teve uma alta real de 1,19% no período, mostrando uma tendência positiva no mercado. 

Não à toa, em junho deste ano o índice registrou a sétima alta consecutiva no preço do aluguel, com aumento 0,36%. Das 11 capitais monitoradas pela pesquisa, Florianópolis apresentou a maior elevação de preço, 1,27%; São Paulo registrou alta de 0,87%. Barueri teve um aumento de 0,47%.
Já Belo Horizonte foi a cidade com maior recuo no período (-0,52%).

Na análise dos últimos 12 meses, o Índice FipeZap acumulou alta nominal de 3,85%. Tendo como referencial comparativo a variação do IPCA (IBGE) no período, o índice registrou uma alta real de 0,47%. Entre as capitais monitoradas, Florianópolis liderou novamente com um aumento nominal de preço de locação residencial de 11,88%, seguido por Curitiba (+11,16%) e Brasília (+7,47%). São Paulo apareceu em quarto lugar com um aumento de 5,57%.

Preço médio de locação

Segundo o FipeZap, o preço médio para alugar um imóvel no Brasil é de R$ 28,90, tendo como base os dados das 25 cidades monitoradas pela pesquisa. São Paulo se manteve como a capital com o preço do metro quadrado mais elevado (R$ 38,50/m²). Em seguida aparecem Rio de Janeiro (R$30,64/m²) e Brasília (R$ 28,95/m²). Goiânia (R$ 16,54/m²), Fortaleza (R$ 16,63/m²) e Curitiba (R$19,02/m²) se destacam como as capitais com menor valor médio de locação residencial no último mês analisado.

Barueri vem logo atrás de São Paulo, com valor de R$32,76 por metro quadrado para o aluguel de residências; em Santos, a média é de R$ 30,31.
O aluguel com menor valor é o de São José do Rio Preto (SP): R$ 15,56. Já em relação a rentabilidade, o retorno médio daqueles que decidiram alugar seu imóvel na capital foi 5,11%; em Barueri este valor é mais alto, 5,84%.

Veja mais notícias sobre Imóveis.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Quinta, 19 Setembro 2019

Siga a Folha

INFORME SEU ENDEREÇO DE E-MAIL:

Por favor habilite seu javascript para enviar este formulário