Domingo, 05 Dezembro 2021

Cidades

Municípios reforçarão fiscalização durante as festas de fim de ano

Pandemia Cidades

Municípios reforçarão fiscalização durante as festas de fim de ano

Barueri e Santana de Parnaíba adotam novas medidas de prevenção para conter o avanço da Covid-19

Em Barueri, até a última semana, 56% dos leitos da rede municipal, entre UTI e enfermaria, estavam ocupados (Foto: Karina Borges/Secom Barueri)
Para conter o avanço da Covid-19, o governo de São Paulo anunciou, na terça-feira (22), medidas mais duras durante as festas de fim de ano. Nos dias 25, 26 e 27 de dezembro e 1, 2 e 3 de janeiro, todo o estado, o que inclui Barueri e Santana de Parnaíba, ficará na fase vermelha do Plano São Paulo, ou seja, apenas serviços essenciais, como saúde, mercados e farmácias poderão funcionar. 

A Prefeitura de Barueri informou à reportagem que seguirá as recomendações do governo e que fiscais da Indústria e Comércio e técnicos da Vigilância Sanitária terão apoio do efetivo da Guarda Municipal para fiscalizar as medidas propostas durante esses dias. 

"Estabelecimentos que descumprirem a norma ficam sujeitos à cassação do alvará de funcionamento e à imediata interdição, além de outras medidas judiciais e administrativas. O cidadão pode denunciar irregularidades para a Guarda Municipal (4199-1400) ou Polícia Militar (190)", apontou a gestão. 

Além disso, para conter o avanço da doença, a prefeitura suspendeu por tempo indeterminado a realização das feiras noturnas do Centro e do Jd. Silveira. 

Parnaíba também seguirá o governo e disse que a fiscalização será feita pelo Departamento de Vigilância Sanitária, com apoio da Guarda Municipal. "Para conter o aumento de casos, foram proibidas todas as confraternizações na esfera municipal, estamos estimulando o uso de máscaras e a manutenção do distanciamento social", destacou.

Cenário na região
Nesta quarta-feira (23), boletim mais recente divulgado, Barueri registrou 10.383 casos confirmados da Covid-19 e 434 óbitos. O número de pessoas internadas chegou a 106. Segundo a gestão, na última semana, 56% dos leitos da rede pública municipal, entre UTI e enfermaria, estavam ocupados. 

Em Santana de Parnaíba, de acordo com dados de quarta-feira (23), o município anotou 5.016 ocorrências positivas da doença e 126 mortes. 35 pessoas estão hospitalizadas na cidade. A prefeitura ressalta que o percentual de leitos ocupados é de 44%. 

Newsletter
Não perca nenhuma notícia.

Inscreva-se em nossa newsletter gratuita.

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Domingo, 05 Dezembro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.folhadealphaville.com.br/