“Segure os seus filhos presidente Bolsonaro”, alerta a deputada Bruna Furlan

Bruna voltou a alfinetar filhos do presidente Bolsonaro (Câmara dos Deputados)
Durante discurso na Câmara dos Deputados, recentemente, Bruna Furlan (PSDB)criticou, mais uma vez, a postura do presidente Jair Bolsonaro (PSL) e de seus filhos. A deputada fez uma análise das críticas sofridas pelo ex-comandante do Exército, general Villas Bôas, por parte do filósofo Olavo de Carvalho, uma das personalidades mais influentes do presidente e que vem tecendo diversas críticas aos militares que integram o governo.

"As Forças Armadas são protegidas pela lei de segurança nacional, que no seu artigo 23 diz claramente a animosidade entre as forças armadas ou entre essas e as classes sociais e civis. Em citar a animosidade das forças armadas é um crime, além de muito desagradável, o que está acontecendo. Esses ataques feitos por essa figura estranha que nem sei onde mora, endossados pelo filho do presidente, com a concordância do presidente. Portanto, todos estão juntos", 

falou Bruna.
Eduardo Bolsonaro (PSL), filho do presidente, também ocupa uma cadeira na Câmara dos Deputados. 

A deputada falou ainda que o presidente deve segurar os filhos. 

"Senão, o senhor não vai conseguir segurar este parlamento". Bruna citou que Bolsonaro disse que foi seu filho quem o elegeu. "Não foi, foi a população. Mas, pode ser seu filho que irá tirá-lo se continuar com esse crime de responsabilidade, colocando as forças armadas contra a população", 

concluiu Bruna.

Veja mais notícias sobre Política.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Sábado, 17 Agosto 2019

Siga a Folha

INFORME SEU ENDEREÇO DE E-MAIL:

Por favor habilite seu javascript para enviar este formulário