Quinta, 20 Junho 2024

Política

Partidos de Tarcísio e Bolsonaro estão em lados opostos na disputa das cidades

Política

Partidos de Tarcísio e Bolsonaro estão em lados opostos na disputa das cidades

Legendas caminharam para grupos rivais em Barueri e Santana de Parnaíba

No município, o governador esteve no ato de filiação do ex-prefeito Elvis Cezar. Evento contou com a presença de Gil Arantes (Foto: MARRI NOGUEIRA / AGÊNCIA SENADO / ARQUIVO)

Para receber notificações da comunidade de Alphaville e região, inscreva-se em nossos canais no Telegram e WhatsApp

A definição dos apoios de partidos políticos em Barueri e Santana de Parnaíba colocou em lados rivais dois partidos que caminharam juntos nas últimas eleições para o governo do estado e para a presidência.

O Republicanos, partido do governador Tarcísio de Freitas, e o PL, sigla do ex-presidente Jair Bolsonaro, optaram por grupos opostos nos dois municípios onde está concentrada a região de Alphaville.

Tarcísio foi eleito governador no ano passado, com apoio de Bolsonaro, a quem mantém fidelidade apesar dos processos e da inelegibilidade aplicada pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral) ao ex-gestor. No entanto, em âmbito municipal, os diretórios das cidades tiveram uma atuação distinta.

Em busca de ampliar o número de prefeituras, aproveitando a força do governo do estado, o Republicanos filiou o ex-prefeito de Santana de Parnaíba Elvis Cezar nas últimas semanas. Em Barueri, a legenda brigou por quase um ano para conseguir a adesão do vice-prefeito Beto Piteri, pré-candidato apoiado pelo atual gestor, Rubens Furlan (PSB). Piteri só confirmou a chegada perto do fim do limite do prazo para a mudança.

Para completar, o partido ainda se tornou a maior bancada na soma dos dois municípios, com seis vereadores - três em cada cidade.

Caminhos distintos

O PL, por outro lado, teve caminhos distintos. Em Parnaíba, a sigla decidiu tentar uma candidatura própria, com o nome do empresário Leandro Monteiro aparecendo como pré-candidato. Ele terá o desafio de enfrentar o poderio do grupo político que governa a cidade desde 2013, com dois mandatos de Elvis e um de Marcos Tonho, atual prefeito que também se filiou ao Republicanos.

Em Barueri, o PL flertou com uma candidatura própria com o ex-vereador Doutor Antonio, que foi o presidente da legenda durante todo ano de 2023. No entanto, em janeiro, a direção estadual decidiu apoiar o ex-prefeito Gil Arantes (União), atualmente principal adversário do grupo de Rubens Furlan (PSB).

Quanto à presença nas Câmaras Municipais, o PL ganhou dois vereadores, mas também perdeu dois, mantendo assim três cadeiras nas duas cidades. As saídas ocorreram justamente porque vereadores que estavam filiados na sigla em Parnaíba procuraram um partido que apoiasse Elvis Cezar. 

Newsletter
Não perca nenhuma notícia.

Inscreva-se em nossa newsletter gratuita.


Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.folhadealphaville.com.br/