Política

"O Gil não tem a menor chance de ser o candidato apoiado por mim em 2024, e ele sabe disso", diz Rubens Furlan

Política

"O Gil não tem a menor chance de ser o candidato apoiado por mim em 2024, e ele sabe disso", diz Rubens Furlan

O prefeito Barueri disse à reportagem que seu foco é fazer a cidade avançar até o último dia do mandato, principalmente, nas áreas da Saúde, Social e da Habitação. 

Furlan afirma que não vai admitir que envolvam seu nome em fake news. (Foto: Divulgação)
Em entrevista à Folha de Alphaville, o prefeito de Barueri Rubens Furlan (PSDB) decidiu colocar uma 'pedra' em cima do assunto suscitado, nesta semana, sobre eleições municipais, um processo que só ocorrerá daqui a 3 anos, em 2024.

"Pegaram uma foto antiga, de uns três ou quatro meses atrás, jogaram na internet e aí começaram a inventar história onde não existe. Eu não vou apoiar o Gil (Arantes) a prefeito e não tem a mínima chance dele ser o candidato a me suceder com o meu apoio. Ele sabe muito bem disso", ressalta Furlan.

O prefeito está em seu sexto mandato, que começou há 7 meses. "Esse não é o governo de 4 anos e meio atrás, aquele terminou em 31 de dezembro. Ainda tenho pela frente a maior parte do meu mandato para atuar e fazer isso com responsabilidade. O povo espera isso", diz.

Furlan diz que considera "legítimas" todas as candidaturas ao pleito de 2024, porém, afirma que não vai admitir que envolvam seu nome em fake news. "Se ele quer postular isso, vai em frente. Agora, não me envolva na candidatura que eu jamais apoiaria".

De acordo com Furlan, seu foco agora é prosseguir com os avanços em diversas frentes, sobretudo, Saúde, Social e Habitação, que são os maiores anseios da população. "Quem vive em Barueri na última década, sabe que evoluímos muito, temos índices muito consistentes a celebrar, mas eu ainda tenho que trabalhar muito pela população e vou fazer isso até o último dia de mandato. Lá na frente, quando for o momento certo, eu vou apoiar pessoas que apoiem um projeto de governo como esse, que tira moradores de rua, que faz a esperança renascer, que inclui, não que exclua, como aconteceu com outras gestões que passaram por Barueri".

Furlan ressaltou que no momento da candidatura, lá na frente, os postulantes terão que apresentar seu legado e mostrar serviço. "A pessoa que quer sentar na cadeira de prefeito terá que dar satisfação da própria vida, o que fez de projeto e os resultados. Fiz isso no Social, fiz aquilo na Saúde, na Educação. Cadê o legado? O povo sabe quem fez", resumiu.

O prefeito encerrou dizendo que vai seguir para dar ao sexto mandato a marca de melhor governo que Barueri já experimentou. "Quem quer o melhor para o povo não se preocupa em antecipar um processo que tem momento certo para acontecer. E o que não é bom para o povo não interessa para mim. Não vamos entrar nesse jogo, não tenho tempo para antecipar eleição municipal. O futuro é com Deus". 

Newsletter
Não perca nenhuma notícia.

Inscreva-se em nossa newsletter gratuita.

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Terça, 17 Mai 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.folhadealphaville.com.br/