Em Barueri, Doria ganha primeiras adesões na jornada à presidência

Gestores da região participaram da assinatura digital para construção do Hospital Regional (Governo do Estado)

O governador João Doria (PSDB), que já trabalha para se viabilizar como candidato ao Planalto em 2022, aproveitou a vinda à Barueri, no último dia 23, para assinar autorização digital para a construção do Hospital Regional na cidade e reafirmar a disposição de buscar apoio ao seu projeto político, apesar de não confirmar.


O evento já mostrou que Doria tem cacife: o tucano reuniu prefeitos da maioria das cidades da região oeste, e diversas bandeiras partidárias, num só evento. Além do anfitrião, Rubens Furlan (PSDB), que o apoiou na corrida ao Palácio dos Bandeirantes, durante a campanha, participaram da inauguração os prefeitos de Itapevi, Igor Soares (Pode), que preside o Cioeste, de Osasco, Rogério Lins (Pode), Carapicuíba, Marcos Neves (PV), Paulo Barufi (PTB) de Jandira, de Araçariguama, Lily  Aimar (PV), Vargem Grande Paulista, Josué Ramos (PR) e de Ibiúna, João Mello (PSD).

Ausência sentida, o prefeito Elvis Cezar (PSDB), aliado de Doria, enviou o pai, deputado Cezar (PDSB), para representá-lo. Deputados Gilmaci (Republicanos) e Sargento Neri (Avante) também passaram pelo local, ao lado da deputada Bruna Furlan (PSDB), uma das coordenadoras da campanha de Doria em São Paulo, que antecipou o desejo de vê-lo na disputa de 2022. "O governador vai deixar na região um investimento na Saúde na ordem de R$ 140 milhões, para a construção do Hospital Regional. Mas o João já sabe o caminho da cidade, virá novamente. Tenho certeza que teremos a honra de recebê-lo como presidente da República", discursou. Furlan endossou o coro. "O governador Joao Doria tem feito um excelente trabalho à frente do Estado. É uma gestão moderna e inspiradora. E isso o credencia, sim, para num futuro próximo se colocar à disposição do povo para resolver os problemas brasileiros, pois São Paulo é o principal estado da Federação sob vários pontos de vista. Então se ele é bom para São Paulo, há de ser bom também para o Brasil", avaliou.

Para Furlan, Doria está no caminho certo. "O governador sabe que o povo não mora no Estado e nem no País, mora nos municípois. Sua gestão está mais próxima dos prefeitos, junto com os vereadores, perto do povo. Quando a gente fala em renovação, a gente pensa em outros bons jovens que venham representar bem nosso povo e João Doria na Presidência da República", diz o prefeito.


O governador devolveu os elogios. "Vocês devem se orgulhar de Rubens Furlan, esse grande prefeito, um homem transformador, como é governo de São Paulo, você nos inspira. Hoje viemos celebrar a entrega do Centro de Diagnósticos de Barueri e voltaremos para entregar o Hospital em 2022, mas, antes disso, viremos, muitas vezes", despistou.

Ausência
Ausente no evento, o coordenador regional do partido, Elvis Cezar, já havia afirmado à reportagem que caminhará ao lado de Doria rumo a 2022. "Estaremos unidos e apoiando o projeto do governador se for para o Brasil avançar e melhorar a vida do brasileiro com políticas públicas de impacto e reais mudanças", disse

 


Veja mais notícias sobre Política.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Sábado, 21 Setembro 2019

Siga a Folha

INFORME SEU ENDEREÇO DE E-MAIL:

Por favor habilite seu javascript para enviar este formulário