Justiça determina que viúva de Gugu receba pensão de R$ 100 mil, diz advogado

whatsapp-image-2019-11-29-at-10.48.21
Além da pensão, a defesa pede que seja reconhecida sua união estável com o apresentador (Foto: Marcelo Brandt/Globo)

O ex-apresentador de TV e morador de Alphaville, Augusto Liberato, falecido em novembro, após um acidente em sua casa na Flórida, teve seu testamento divulgado no final do ano passado. Constavam como herdeiros a mãe, os três filhos e cinco sobrinhos.

Entretanto, o documento foi contestado por sua companheira, Rose Miriam di Matteo, que entrou na justiça alegando estar passando por "dificuldades de toda natureza" com as filhas, já que o apresentador como "provedor", se responsabilizava por tudo.

O caso ganhou um novo capítulo na última semana, com uma decisão da Justiça de São Paulo determinando que Rose terá direito a receber uma pensão de R$ 100 mil por mês. Além da pensão, a defesa pede que seja reconhecida sua união estável com o apresentador.

De acordo com o advogado da companheira de Gugu, Nelson Wilians, o juiz ressaltou em sua decisão que o valor é equivalente ao que o apresentador registrou para sua mãe, Maria do Céu.

Em nota, os familiares de Gugu disseram que não irão comentar o assunto.

Veja mais notícias sobre People.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Quarta, 08 Abril 2020

Siga a Folha

INFORME SEU ENDEREÇO DE E-MAIL:

Por favor habilite seu javascript para enviar este formulário