Senado aprova suspensão de reajuste de planos de saúde

Após aprovação do Senado, Câmara dos Deputados vai discutir proposta. (Foto: Waldemir Barreto/Agência Senado)

Quem paga convênio médico pode ter um pequeno alívio durante a pandemia de Covid-19. O Senado aprovou, na terça-feira (2), uma proposta que suspende o reajuste anual de planos e seguros privados de saúde por 120 dias, inclusive por mudança de faixa etária. A proposta ainda precisa ser discutida e votada pela Câmara dos Deputados. 

Além disso, a proposta suspende o reajuste de preços de medicamentos por mais 60 dias, além do prazo original de 60 dias previsto por uma Medida Provisória enviada pelo Executivo ao Congresso no final de março. 

Autor do projeto, o senador Eduardo Braga (MDB- -AM) afirma que é importante evitar o aumento de preços em um momento em que o enfrentamento ao novo coronavírus está trazendo perda significativa da renda das famílias. "É fundamental combatermos abusos nesse período de pandemia", disse o parlamentar. 

Veja mais notícias sobre Economia.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Sábado, 26 Setembro 2020

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.folhadealphaville.com.br/

Siga a Folha

INFORME SEU ENDEREÇO DE E-MAIL:

Por favor habilite seu javascript para enviar este formulário