Domingo, 17 Outubro 2021

Economia

Cidade de Barueri lidera geração de emprego e renda na região

Economia

Cidade de Barueri lidera geração de emprego e renda na região

Município é o 2º do Estado de São Paulo e o 9º do país na abertura de postos de trabalho, segundo o Caged 

Somente no mês de junho foram criadas 2,3 mil vagas em Barueri (Pixabay)
O mercado de trabalho doméstico voltou a ganhar força em julho, com o Indicador Antecedente de Emprego no Brasil avançando para patamares pré-pandemia, de acordo com dados informados na quinta-feira(5) pela Fundação Getulio Vargas (FGV).

O IAEmp, que antecipa os rumos do mercado de trabalho no Brasil, teve alta de 1,6 ponto em julho, a 89,2 pontos, máxima desde fevereiro de 2020 (92,0). Dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), sobre o 1º semestre de 2021, confirmam este cenário e a cidade de Barueri se destaca como promissora na retomada da economia.

Entre os municípios do Estado de São Paulo, Barueri é o segundo que mais gerou empregos, atrás somente da capital paulista. No ranking nacional é a 9ª colocada, além de 1ª na região Oeste da Grande São Paulo. No acumulado de janeiro a junho de 2021 foram 12.688 novos postos de trabalho.

Tecnologia
Só em junho deste ano houve um saldo positivo de 2.338 postos de trabalho em Barueri. De janeiro até o dia 21 de julho, foram abertas 8.332 empresas no município. As funções na área de Tecnologia são as que ganham destaque. Atividades como Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Consultoria e Assessoria em Informática, Instalação de Redes, Programação, entre outros, acumularam no semestre 4.114 novas empresas.

Ao todo, Barueri possui 37.418 estabelecimentos empresariais cadastrados na prefeitura, sendo 4.525 deles só nos setores de comércio e de Indústria e outros 5.743 como função principal a de prestação de serviço com comércio e/ou indústria.

Trabalho conjunto
Para o secretário de Indústria, Comércio e Trabalho de Barueri (SICT), Joaldo Macedo Rodrigues, o trabalho conjunto da Prefeitura de Barueri com o setor privado "considerando os incentivos aos novos empreendimentos, além dos investimentos na formação e requalificação de mão de obra, certamente ajudam no desenvolvimento econômico e na geração de novas vagas de trabalho".

Comparativamente, na cidade de Barueri foram criadas mais vagas de trabalho que capitais como Manaus (AM), Cuiabá (MT) e Recife (PE). "Neste momento de crise econômica no país procuramos sempre manter o bom relacionamento com as empresas, transmitindo confiança e mostrando aos empresários e trabalhadores que eles têm no poder público um importante aliado", destacou o secretário. 

Newsletter
Não perca nenhuma notícia.

Inscreva-se em nossa newsletter gratuita.

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Domingo, 17 Outubro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.folhadealphaville.com.br/