Nem com prazo do PSDB prefeito Elvis indica nome de seu sucessor

Elvis Cezar falou que sente muita responsabilidade, após dois mandatos à frente do Executivo (Arquivo/Agência Impacto)

O cenário das eleições de 2020 para o cargo majoritário em Santana de Parnaíba continua incerto. Apesar do Diretório Estadual do PSDB, presidido por Marco Vinholi, secretário de Desenvolvimento Regional do Governo Doria, ter determinado o prazo até quinta-feira (1º de agosto) para os diretórios municipais encaminharem uma lista com os possíveis candidatos do partido aos cargos de prefeito e vereador, o nome da legenda que concorrerá a cadeira para a Prefeitura da cidade ainda não foi anunciado.

A indicação partirá do atual prefeito Elvis Cezar (PSDB), que não poderá participar do pleito por já estar em seu segundo mandato consecutivo. Mas, ele não parece 'preocupado' com as diretrizes do partido. "O partido está um pouco estressado, mas eu ainda não escolhi. Não tenho o nome ainda. Pode ser o Elvis pela terceira vez? ", brincou em entrevista exclusiva à Folha de Alphaville. 

O gestor garantiu que está se preparando para 'quando a hora chegar'. "Não é o momento de falar sobre isso", disse. Perguntado sobre a possibilidade de indicar o atual vice-prefeito do município, Oswaldo Borelli, Elvis afirmou que "não descarta ninguém". Ele avaliou que quanto mais candidatos, melhor.

A escolha
O tucano desabafou que se sente com muita responsabilidade, com relação à indicação do nome. "Estou analisando o trabalho e a cidade como um todo. Nem tive tempo. Ainda  não parei para tomar a decisão. Eu já ouvi falar que tem mais de 10 pessoas querendo disputar o cargo", falou.

Em relação ao prazo do partido, que aguarda o nome do candidato da legenda, Elvis Cezar garante que a escolha não será só dele. "Não vem só de mim. Tem que ouvir 'N' grupos. Quanto ao partido, quer lançar candidatos e nós lançaremos. Vamos aguardar e trabalhar, o tempo é de trabalho", concluiu.

Do outro lado, a oposição parece preferir aguardar os próximos passos do que 'partir para o ataque'. O ex-prefeito da cidade, Silvinho Peccioli (DEM), contou que está trabalhando. "Quero juntar um time confiável e uma base de apoio financeiro para a campanha. Se conseguir, serei candidato".

Silvinho teve suas contas, do exercício de 2012, rejeitadas pela Câmara Municipal; o que o tornou inelegível por oito anos.
Os vereadores Magno Mori (PSB), Pastor Ebenezé de Paula (PSC), além do médico Danilo Ferraresi, morador de Alphaville, já sinalizaram o interesse de disputar o cargo.

Na cidade de Barueri, o PSDB já tem o seu candidato. O tucano Rubens Furlan, atual prefeito, tentará o seu sexto mandato à frente do município. Entre os nomes da oposição, deve enfrentar Carlos Zicardi (PR) e o ex-deputado estadual Gil Lancaster. 

Diretório Estadual
A reportagem entrou em contato com o presidente do Diretório Estadualdo PSDB, Marco Vinholi, para comentar sobre os nomes dos candidatos à prefeitos que disputarão em 2020. Vinholi disse que ainda não há prazo para a divulgação da lista dos concorrentes. "Ainda não há nada definido, estamos trabalhando nisso", finalizou. Em suas redes sociais, o presidente comemorou recentemente 50 novos filiados ao partido.

 


Veja mais notícias sobre Política.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Sábado, 21 Setembro 2019

Siga a Folha

INFORME SEU ENDEREÇO DE E-MAIL:

Por favor habilite seu javascript para enviar este formulário