Quinta, 30 Mai 2024

Imóveis

Setor de imóveis deve ajudar na retomada do crescimento econômico

Em 2021 Imóveis

Setor de imóveis deve ajudar na retomada do crescimento econômico

Segundo especialistas, mercado mostra uma tendência de recuperação consistente 

No segundo semestre, já teve sinais de retomada do setor imobiliário (Foto:ASON GOH/PIXABAY)

O mercado imobiliário é a aposta para a retomada do crescimento econômico em 2021. É o que especialistas acreditam, já que o setor aponta uma tendência de recuperação consistente e eles enxergam um ciclo de crescimento sustentado de vendas e lançamentos no próximo ano. 

De acordo com Celso Petrucci, vice-presidente de Indústria Imobiliária da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), 2021 deve ser de consolidação do mercado imobiliário. "Fecharemos o ano de 2020 com um mercado menor que o ano passado, mas com tendência de consolidação. Em 2021 teremos o que esperávamos para 2020, porém um mercado mais maduro e consistente", apontou Celso durante uma live. 

Cenário 

O primeiro semestre deste ano, segundo Celso, carregou os impactos negativos da chegada da pandemia da Covid-19. Houve diminuição de 43,9% no volume de lançamentos em comparação ao mesmo período de 2019. Já no segundo semestre, observou-se sinais de retomada do setor. 

"Com a abertura dos plantões de venda a partir de junho, percebemos que a retomada começou a acontecer. De julho para cá, as notícias indicam melhora em relação ao primeiro semestre", afirmou o especialista.

Newsletter
Não perca nenhuma notícia.

Inscreva-se em nossa newsletter gratuita.


Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.folhadealphaville.com.br/