Domingo, 14 Agosto 2022

Imóveis

Multipropriedades devem crescer quase 22% neste ano

Lançamentos Imóveis

Multipropriedades devem crescer quase 22% neste ano

Segundo especialista, uma das vantagens do modelo é a economia 

Cliente se torna dono de cotas de uma unidade, normalmente dentro de um hotel ou de um condomínio de casas de veraneio (Foto:MRSIRAPHOL/FREEPIK)

Regulamentado em 2018 no Brasil, os imóveis do tipo multipropriedade vêm se consolidando no país. Trata-se de um modelo em que o cliente se torna dono de cotas de uma determinada unidade, normalmente dentro de um hotel ou de um condomínio de casas de veraneio, com custos proporcionais ao seu uso do lugar. 

Nessa modalidade, o imóvel tem mais de um dono, cada qual com o direito de usufruir dele por um certo período de tempo. A escritura da cota descreve o valor do imóvel, suas características e período de uso.

Segundo Diego Amaral, advogado e presidente da Comissão de Direito Imobiliário e Urbanístico da OAB de Goiás, para 2022, a previsão é que tenha um aumento de quase 22% no lançamento de empreendimentos no formato de multipropriedade. 

"A multipropriedade veio para dar oportunidade, principalmente à classe média brasileira, de realizar o sonho de possuir um imóvel de férias, de lazer", explicou Diego. 

Vantagens 

Segundo o especialista, entre as principais vantagens da multipropriedade é que o cliente gastará muito menos. 

"Ele terá a oportunidade de usar o imóvel por até quatro semanas ao ano, período máximo em que a maioria das pessoas costuma usar seus imóveis em destinos turísticos", apontou Diego. 

Newsletter
Não perca nenhuma notícia.

Inscreva-se em nossa newsletter gratuita.

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Domingo, 14 Agosto 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.folhadealphaville.com.br/