Empresa japonesa cria sapatos com GPS para encontrar idosos perdidos

Sapatos_GPS_horizontal
Pessoas que sofrem de demência justamente não costumam usar smartphones capazes de oferecer localizações, daí a ideia de inserir o GPS no interior do calçado. (Foto: Divulgação)

A empresa japonesa Wish Hills uniu necessidade com criatividade ao desenvolver o primeiro sapato com GPS, uma ideia que em princípio pode parecer curiosa, mas que é capaz de ajudar idosos que sofram, por exemplo, de demência.

Batizados de "GPS Dokodemo Shoes", os sapatos possuem um localizador instalado no pé esquerdo, capaz de oferecer a posição de quem os veste através de smartphones e computadores.

Segundo um porta-voz da empresa, pessoas que sofrem de demência justamente não costumam usar smartphones capazes de oferecer localizações, mas sapatos elas sempre usam, daí a ideia de inserir o GPS no interior do calçado.

A tecnologia envia notificações para um dispositivo toda vez que o usuário se afasta de casa, e ainda oferece a posição da pessoa em um mapa.

Segundo a empresa os "GPS Dokodemo Shoes" são capazes de salvar vidas, e custam cerca de R$ 1 mil, mas estão disponíveis por enquanto somente no Japão, um dos países com a população mais velha do mundo – cerca de 25% dos japoneses superam os 65 anos de idade. No mundo, aproximadamente 47,5 milhões de pessoas sofrem de demência. 

Veja mais notícias sobre Empresas.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Terça, 16 Julho 2019

Siga a Folha

INFORME SEU ENDEREÇO DE E-MAIL:

Por favor habilite seu javascript para enviar este formulário