Procon dá R$ 3 milhões em multas por práticas abusivas

Denúncia de preços abusivos aumentou 950% desde março. (Foto: Divulgação)

O Procon-SP e a Secretaria Extraordinária de Defesa do Consumidor aplicaram mais de R$ 3 milhões em multas ao comércio por práticas abusivas em meio à quarentena nos últimos dois meses. 

O setor mais autuado foi o de farmácias, totalizando cerca de R$ 2,3 milhões em multas, seguido pelo de supermercados, multados em aproximadamente R$ 800 mil. 

Entre março e o dia 11 de maio, aumentou em 950% relatos da prática de preços abusivos. "A fiscalização e aplicação de multas são essenciais para garantir as boas práticas no mercado de consumo", diz Fernando Capez, Secretário de Defesa do Consumidor. 

Veja mais notícias sobre Economia.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Segunda, 25 Mai 2020

Siga a Folha

INFORME SEU ENDEREÇO DE E-MAIL:

Por favor habilite seu javascript para enviar este formulário

No Internet Connection