Economia

Empresário de Alphaville compra fábrica da Sony em Manaus

Economia

Empresário de Alphaville compra fábrica da Sony em Manaus

Proprietário da Mondial, Giovanni Cardoso vai expandir linha de produção 

Fábrica possui 27 mil metros quadrados de área construída (Divulgação)
A fábrica da Sony, localizada na Zona Franca de Manaus, foi comprada pelo empresário e morador de Alphaville Giovanni M. Cardoso, co-fundador da Mondial. O valor não foi divulgado. Com a aquisição, a Mondial Eletrodomésticos, marca líder em diversas linhas de eletrodomésticos portáteis, vai expandir sua linha de produção. A compra possibilitou a antecipação dos planos da marca para entrada em novas linhas e segmentos de produtos.

A partir de 1º de fevereiro de 2021 as estruturas produtivas, laboratórios de análise, salas de testes, fabricação de moldes, linhas de montagens com equipamento de última geração, warehouse e demais instalações da Sony passarão a abrigar toda a produção da linha marrom atual da Mondial. "Nós já tínhamos um plano para 2022 lançar microondas, 2023 ar condicionado e 2024 TV. Apareceu a oportunidade da compra da fábrica e isso permitiu que fizéssemos três anos em meses", contou Giovanni.

A empresa possui uma fábrica em Manaus desde 2014, onde já são produzidos DVDs, caixas de som acústicas de média e alta potência, thunder, boombox e outros produtos da linha de áudio e vídeo. A unidade atual será gradativamente transferida para o novo espaço, com área total de 55 mil m² e 27 mil m² de área construída. O head office da Mondial fica na Alameda Araguaia (Alphaville) e emprega cerca de 400 pessoas.

Sobre conseguir driblar a crise financeira, faturar cerca de R$ 3 bilhões em 2020 e ainda expandir, o empresário contou que, com a pandemia, o segmento de eletros e utensílios domésticos ganhou força. "As pessoas gastavam 12% do que ganhavam com coisas para a casa, depois da pandemia esse índice aumentou para 18%. Os hábitos mudaram e o consumo também", falou.

Empregabilidade
A marca também ampliará a quantidade de empregos gerados na região. Atualmente, a Mondial mantém 240 funcionários na unidade de Manaus, que integram os 3.700 colaboradores da empresa no Brasil. Já está definido um plano que prevê a contratação de mais 200 colaboradores para o início da operação no novo endereço e mais 220 a partir do 2º semestre de 2021, quando se inicia a produção das novas linhas, totalizando na unidade de Manaus 660 funcionários, fechando 2021 com um total Brasil de 4.120 colaboradores.

Investimentos
Desde o início de 2020, a Mondial investiu mais de R$ 60 milhões em estruturas industriais, equipamentos, moldes, aumentou em 30% o parque de injetoras e a contratação de mais de 400 novos colaboradores na fábrica da Bahia. O ano de 2020 também foi marcado pela ampliação em 67% nos investimentos de marketing. A Mondial Eletrodomésticos caminha para o fechamento de 2020 com 36% de Market Share em eletroportáteis.
Newsletter
Não perca nenhuma notícia.

Inscreva-se em nossa newsletter gratuita.

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Quarta, 17 Agosto 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.folhadealphaville.com.br/