Empreendedorismo feminino cresce durante pandemia

Aline Vasconcelos é proprietária de clínica em Alphaville (Divulgação)

Segundo uma pesquisa realizada pelo Sebrae, em parceria com a Fundação Getúlio Vargas, as empreendedoras brasileiras foram mais rápidas e eficientes ao implementar inovações em seus negócios durante a pandemia do que os homens. O percentual foi de 11%, ante 7%, respectivamente.

Na região de Alphaville, entre essas empreendedoras está a Aline Vasconcelos. Proprietária da clínica de estética Aline Vasconcelos, localizada em Alphaville, a empresária oferece serviços relacionados a beleza e bem-estar desde 2016.

"Mesmo durante a crise, consegui alugar um outro espaço e ampliar a clínica para atender mais a necessidade dos meus clientes. Agora também oferecemos diversos serviços como massagens relaxantes, estética corporal e facial, terapia capilar, esmalteria, salas de psicólogos e fisioterapeutas, além de incluirmos salas temáticas na clínica. O faturamento tem aumentado bastante, e sinto como se fosse uma recompensa por todo o investimento e trabalho", conta.

Veja mais notícias sobre Economia.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Sexta, 30 Outubro 2020

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.folhadealphaville.com.br/

Siga a Folha

INFORME SEU ENDEREÇO DE E-MAIL:

Por favor habilite seu javascript para enviar este formulário