Ministério Público do RJ realiza operação em Barueri

Integrantes de organização social de saúde Instituto dos Lagos são acusados de desviar R$ 9.1 milhões dos cofres públicos do RJ entre 2012 e 2019. (Foto: Divulgação)
O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ), por meio do Grupo de Atuação Especializada no Combate à Corrupção (GAECC/MPRJ), realizou nesta quinta-feira (25) a Operação Pagão contra integrantes de organização social de saúde Instituto dos Lagos. Eles são acusados de desviar R$ 9.1 milhões dos cofres públicos do Rio de Janeiro entre 2012 e 2019.

A ação foi feita no Rio de Janeiro e São Paulo, incluindo Barueri, para cumprir sete mandados de prisão e 14 de busca e apreensão expedidos contra 12 denunciados por organização criminosa, peculato e lavagem de dinheiro.

De acordo com o balanço do Ministério Público, nesta operação 5 prisões foram feitas e outras duas pessoas estão foragidas. 

Veja mais notícias sobre Cidades.

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Quinta, 16 Julho 2020

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.folhadealphaville.com.br/

Siga a Folha

INFORME SEU ENDEREÇO DE E-MAIL:

Por favor habilite seu javascript para enviar este formulário