Barueri e Parnaíba ultrapassam metade da meta de vacinação

Mobilização segue nas UBS’s até o dia 31 (Foto: Michela Brígida/Folha de Alphaville)

 Mais de 49 mil pessoas já foram vacinadas contra a gripe nas cidades de Barueri e Santana de Parnaíba, de acordo com último balanço das administrações municipais divulgado no começo desta semana. O número corresponde a 53,5% e 60% do público-alvo das duas cidades, respectivamente. 

As prefeituras pretendem vacinar cerca de 90% do público prioritário, que são crianças entre 6 meses e menores de 6 anos; gestantes; puérperas (até 45 dias após o parto); trabalhadores da saúde; pessoas com doenças crônicas/imunodeprimidos (com apresentação da solicitação médica ou receita médica); pessoas com 60 anos ou mais; professores com apresentação do crachá, policiais civis, militares, bombeiros e membros ativos das forças armadas. 

Para isso, seguindo o cronograma do Ministério da Saúde, a campanha de imunização segue até o dia 31 em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS's). De acordo com a gestão de Barueri, não há previsão de liberação da vacina para outros grupos e nem outras ações como o Dia D de vacinação. "Isso só pode ser feito após diretrizes do Ministério da Saúde, órgão responsável pelo Programa Nacional de Imunização em todo o Brasil", explicou a gestão em nota.

No dia de mobilização nacional, que aconteceu há duas semanas em um sábado, quatro mil pessoas foram imunizadas em Santana de Parnaíba e 10.629 em Barueri. Na ocasião, as UBS's de todas as cidades funcionaram das 8h às 17h, além de acontecerem ações em postos volantes em diversos bairros dos municípios.

Dados da ação
A campanha de vacinação contra a Influenza iniciou em todo o território no dia 10 de abril. Segundo balanço do Ministério da Saúde, 5,5 milhões de pessoas foram imunizadas no dia de mobilização nacional, totalizando 26,9 milhões de pessoas vacinadas. O público-alvo é de 59,5 milhões.
Até o dia 20 de abril, foram registrados 427 casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) por influenza em todo o país, com 81 mortes.

Veja mais notícias sobre Cidades.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Sábado, 16 Novembro 2019

Siga a Folha

INFORME SEU ENDEREÇO DE E-MAIL:

Por favor habilite seu javascript para enviar este formulário