Santana de Parnaíba planeja criar 15 km de malha cicloviária

Aos domingos, Via Parque é fechada das 7h às 13h para veículos; Vereadora de Parnaíba fez solicitação para expandir horário (Foto: Michela Brígida/Folha de Alphaville)

Em meio as reclamações de ciclistas pela remoção de ciclovias e ciclofaixas na capital, a Prefeitura de São Paulo anunciou nesta semana um projeto para a implantação de 173,5 km de infraestrutura cicloviária até o final da gestão Bruno Covas. Além disso, ainda este ano haverá a expansão da malha em 35 km e a requalificação de 150 km da rede já existente.

Barueri e Santana de Parnaíba também buscam melhorar as condições de locomoção para aqueles que adotaram a bicicleta como meio de transportes. Barueri conta hoje com 1,3 quilômetros lineares de ciclovia no canteiro central da avenida Aníbal Correia e 3,2 km de ciclofaixas na avenida Doutor Dib Sauaia Neto (trecho entre a rotatória da avenida Andrômeda e a estrada da Aldeinha). A criação de novos espaços como estes está no radar da gestão. Em entrevista recente à Folha de Alphaville, o prefeito Rubens Furlan disse que tem o objetivo implantar ciclovias que interliguem diversos bairros do município. 

"Temos uma topografia diferenciada, um pouco acidentada, mas acredito que dê para fazer faixas de Alphaville até o Jardim Tupan, toda a parte do Silveira, pela Aldeia, indo pelo Jardim Maria Helena, Parque Viana, Jardim Paulista e na avenida Exército Brasileiro", contou. O planejamento técnico da proposta deveria ter início em agosto, mas segundo a prefeitura o estudo ainda não foi contratado. 

Em Parnaíba, um projeto para a criação de cerca de 15 km de ciclovias/ciclofaixas na cidade está em fase de estudo. Segundo o prefeito Elvis Cezar, "as faixas iriam desde o Colinas da Anhanguera até Alphaville". Hoje o bairro conta com uma ciclovia na Av. Dr. Dib Sauaia Neto, próximo ao Colégio Universitário, que sofreu interdições por conta da obra do sistema Gênesis da Sabesp.

Fechada para lazer
Nesta segunda-feira (9), a Prefeitura de São Paulo lançou o programa Rua da Gente, uma evolução do Ruas Abertas, com o objetivo de fechar vias fixas da cidade aos domingos, com circulação permitida apenas para pedestres e veículos não motorizados, como bicicletas. 

Seguindo esta mesma ideia, aos domingos, a Via Parque, que fica na Av. Dr. Dib Sauaia Neto, em Alphaville, é fechada no período das 7h às 13h para a circulação de pedestres e bicicletas. Em maio, a vereadora de Santana de Parnaíba, Sabrina Colela, apresentou uma solicitação ao Poder Executivo, para a ampliação do horário de fechamento da Via Parque até as 16h e o bloqueio também aos sábados, mas segundo ela, não há nada definido. 

"Ainda não tive retorno em relação a esta solicitação. Na época, conversei com o Secretário de Transportes e Trânsito e ele disse que iria analisar com cuidado para ver se a medida não atrapalharia o trânsito, pois, por incrível que pareça, a quantidade de carros que transita aos sábados no bairro é grande", disse à reportagem.

Veja mais notícias sobre Cidades.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Segunda, 21 Outubro 2019

Siga a Folha

INFORME SEU ENDEREÇO DE E-MAIL:

Por favor habilite seu javascript para enviar este formulário