Após ser agredida, moradora quer que culpados sejam punidos com rigor

O vídeo da publicitária com relato nas redes sociais tinha mais 973 mil visualizações nesta quinta-feira (16) (Foto: Reprodução/Instagram)

Nesta quarta-feira (15), a moradora de Alphaville, Milka Borges, prestou depoimento na 14º DP do Morumbi por conta da agressão que sofreu na noite do dia 11 dentro do Restaurante Iulia, localizado dentro do Jockey Club, em São Paulo. O caso veio à tona na terça-feira (14), quando Milka postou um vídeo em suas redes sociais relatando a agressão que teria sofrido por uma mulher no banheiro do local. 

Em contato com a Folha de Alphaville, Meire Borges, irmã de Milka, informou que sua irmã já passou por quatro procedimentos cirúrgicos. "Todas estas cirurgias foram para a reconstrução de vasos e músculos afetados pela agressão. Ainda não é possível estimar todos as sequelas. Ela terá ainda que arrumar alguns dentes que foram quebrados e passar por cirurgia plástica", explicou Meire. 

Ainda de acordo com ela, Milka não está recebendo nenhum tipo de auxílio dos envolvidos. "Um dos proprietários do local enviou uma mensagem para a minha irmã, depois que o vídeo viralizou, lamentando o que tinha acontecido, mas disse que o restaurante não tinha nada a ver com o caso. Porém, o irmão dele, namorado da moça que agrediu minha irmã, é um dos sócios", afirmou. 

Entenda o caso 

No vídeo publicado, Milka explica que a agressão teria sido motivada por uma fila no banheiro. "Uma moça que não conhecia, identificada posteriormente por Fernanda Bonito, chegou ao banheiro nitidamente exaltada, possivelmente sob efeito de alguma droga", pontuou em sua publicação. 

Após esmurrar portas, e empurrar a amiga que acompanhava Milka, a agressora veio em sua direção. "Eu a segurei por causa do seu descontrole", explicou. Em seguida, a agressora teria saído do banheiro e voltado com seu namorado, um dos proprietários do local, e um segurança. "Ela pegou um copo de vidro espesso que estava na mão do namorado e jogou em direção do meu rosto". A vítima foi levada ao hospital por amigos. "Estou tomando as medidas judiciais cabíveis contra os agressores e o restaurante". 

Procurado pela reportagem, o Iulia Restaurante disse que lamenta profundamente o episódio. O Jockey Club afirmou que irá instaurar sindicância interna para pedir esclarecimentos ao locatório, no caso, o Iulia.

Veja mais notícias sobre Cidades.

Veja também:

 

Comentários: 1

Paula em Sexta, 17 Janeiro 2020 17:15

Absurdo! Mesmo que o Rodrigo não tivesse envolvido na agressão, houve omissão de socorro no local, ela é uma consumidora, eles já estão envolvidos no caso, não basta lamentar, tem que se responsabiliza TAMBÉM junto com a agressora, Fernanda.

Absurdo! Mesmo que o Rodrigo não tivesse envolvido na agressão, houve omissão de socorro no local, ela é uma consumidora, eles já estão envolvidos no caso, não basta lamentar, tem que se responsabiliza TAMBÉM junto com a agressora, Fernanda.
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Sábado, 22 Fevereiro 2020

Siga a Folha

INFORME SEU ENDEREÇO DE E-MAIL:

Por favor habilite seu javascript para enviar este formulário