Cidades

Após recomendação da Anvisa, Barueri suspende imunização de gestantes com comorbidades

Covid-19 Cidades

Após recomendação da Anvisa, Barueri suspende imunização de gestantes com comorbidades

Grupo começaria a receber doses da vacina AstraZeneca nesta terça-feira (11). Medida foi tomada de forma preventiva

A Prefeitura de Barueri informou que nenhuma gestante chegou a ser imunizada com AstraZeneca (Foto: Governo do Estado de São Paulo)
Seguindo a decisão do Plano Estadual de Imunização (PEI) contra COVID-19, Barueri suspendeu temporariamente a vacinação de gestantes com comorbidades, prevista para começar nesta terça-feira (11), que seria feita com a vacina AstraZeneca.

A medida foi tomada após a emissão de um comunicado pela Agência de Vigilância Sanitária (Anvisa), recomendando a suspensão imediata da aplicação da vacina AstraZeneca nesse público.

Na nota técnica, a agência orienta que o uso desse imunizante seja feito de acordo com o indicado na bula, que não recomenda o uso do imunizante em gestantes sem orientação médica.

À reportagem, a Prefeitura de Barueri informou que nenhuma gestante chegou a ser imunizada com AstraZeneca. 

Newsletter
Não perca nenhuma notícia.

Inscreva-se em nossa newsletter gratuita.

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Sexta, 25 Junho 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.folhadealphaville.com.br/