Apesar das queixas, Enel diz que quedas de energia reduziram 55% em Alphaville

Saulo Ramos é diretor operacional da Enel (Foto: Michela Brígida/Folha de Alphaville)
Com a nova subestação de energia elétrica da Enel Distribuição São Paulo, localizada na avenida Andrômeda, no Green Valley, a região de Alphaville teve uma redução de 55% no número de quedas de energia e 66% no tempo para restabelecer seu fornecimento. A informação foi concedida com exclusividade, à Folha de Alphaville, pelo diretor operacional da Enel, Saulo Ramos. Os dados são de janeiro do ano passado a junho deste ano.

A falha no fornecimento de energia é alvo frequente de reclamações entre os moradores. Em maio deste ano, a reportagem apurou que, somente no mês de janeiro, a Agência Nacional de Nacional de Energia Elétrica (Aneel) havia recebido 52 queixas de moradores de Barueri e Santana de Parnaíba. Na época, a Enel disse que a maior parte das ocorrências foram originadas por fatores ambientais (queda da árvore, galhos, entre outros).

A subestação de Alphaville foi inaugurada em dezembro de 2018, mas alimenta, principalmente, a região do Tamboré. Com a sua chegada, houve também a substituição da rede de cabos antigas, o que colabora para um menor número de ocorrências. "Trocamos tudo por cabos que são protegidos por uma capa, que convive melhor com a arborização. Além disso, há quatro anos iniciamos a digitalização da rede, com a instalação de religadores automáticos e identificadores de falha", afirmou Saulo.

Fios pendurados

Outra reclamação recorrente são os fios pendurados nos postes de energia elétrica. Saulo Ramos destacou que, por ano, a Enel tem autorização para regularizar 2100 postes. "Nós notificamos as empresas de telecomunicação, pedimos para eles identificarem os cabos e arrumar de acordo com a norma de instalação", ressaltou. 

Veja mais notícias sobre Cidades.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Quarta, 20 Novembro 2019

Siga a Folha

INFORME SEU ENDEREÇO DE E-MAIL:

Por favor habilite seu javascript para enviar este formulário