Cidades

51% dos moradores devem enviar os filhos para a escola em 2021

Ano letivo Cidades

51% dos moradores devem enviar os filhos para a escola em 2021

 Dado é de uma enquete feita pela Folha de Alphaville. Instituições devem retornar as aulas em fevereiro

Desde o ano passado, Colégio Pentágono adotou protocolos elaborados pelo Hospital Albert Einstein (Foto: Divulgação)
Com a decisão do Governo de São Paulo, em dezembro, de manter o retorno gradual às aulas presenciais para 2021 em todas as fases do Plano São Paulo, algumas escolas de Alphaville devem iniciar as aulas no fim de janeiro e início de fevereiro. 

Uma enquete feita nas redes sociais da Folha de Alphaville nesta terça-feira (19) revelou que 51% dos moradores devem enviar seus filhos para a escola este ano e 49% não. Mais de 300 pessoas participaram da pesquisa.

O Colégio Pentágono retomará as aulas presenciais no dia 1 de fevereiro. Assim como no ano passado, quando voltou às atividades, a instituição seguirá com protocolos elaborados em parceria com o Hospital Albert Einstein.

"Os alunos que se sentirem inseguros com o retorno terão toda a assistência para que não ocorram perdas pedagógicas", destacou Denise Desiderá, diretora da unidade Alphaville.

Já o Colégio Anglo Leonardo da Vinci de Alphaville retoma as aulas a partir do dia 26 e criou um Guia de Retomada às Aulas Presenciais, com os protocolos de segurança e saúde.

"Em outubro de 2020, reabrimos a escola para aulas presenciais e online, sob a assessoria técnica de empresa especializada em saúde. Em 2021, daremos continuidade aquilo que as autoridades governamentais vêm estabelecendo", explicou Alcir Caria, diretor da unidade de Alphaville.

Especialista
O pediatra pela Sociedade Brasileira de Pediatria, Paulo Telles, afirmou que, de acordo com a literatura médica, a presença dos alunos na escola, com protocolos de segurança, não aumenta o número de casos da Covid-19 na sociedade.

"Os pais precisam se atentar aos protocolos adotados pelas escolas, como o distanciamento, higienização dos ambientes, acesso a álcool gel, uso de máscaras e a presença de bolhas, que são grupos com número de crianças e contato de professores reduzidos", destacou. 

Newsletter
Não perca nenhuma notícia.

Inscreva-se em nossa newsletter gratuita.

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Sábado, 17 Abril 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.folhadealphaville.com.br/