Domingo, 17 Janeiro 2021

Cidades

12% dos moradores sofreram algum acidente doméstico na quarentena

Cidades

12% dos moradores sofreram algum acidente doméstico na quarentena

Segundo ABTPé, durante isolamento, houve aumento de 30% dessas ocorrências 

Entre os acidentes mais comuns estão os com instrumentos perfuro-cortantes, como vidro, faca e prego (Foto: Divulgação)

Segundo a Associação Brasileira de Medicina e Cirurgia do Tornozelo e Pé (ABTPé), no isolamento social, houve um aumento de cerca de 30% nos acidentes domésticos. 

"Houve um crescimento de acidentes por queda de altura (escadas, cadeiras, móveis), por instrumentos perfuro-cortantes (vidro, faca, prego) e queimaduras por líquidos quentes na cozinha", explicou Danilo Nishikawa, diretor da ABTPé. 

Uma enquete feita nas redes sociais da Folha de Alphaville recentemente revelou que 12% dos que responderam sofreram algum tipo de acidente doméstico na quarentena. Torção de pé, cortes nas mãos e até queda em escada foram as ocorrências citadas.

Cuidados
Segundo Nishikawa, para evitar acidentes, deve-se ter o cuidado ao realizar atividades de mudanças e consertos.
"No caso das crianças, é importante acompanhá-las em suas atividades", disse.
Newsletter
Não perca nenhuma notícia.

Inscreva-se em nossa newsletter gratuita.

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Domingo, 17 Janeiro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.folhadealphaville.com.br/