A ilha preferida de James Bond

A cena famosa com Ursula Andress encontrando James Bond pela primeira vez foi filmada na praia privativa chamada Laughing Waters, em Ocho Rios. (Foto: Divulgação)

Quase 60 anos desde que o primeiro filme foi rodado, o 25º Bond volta à famosa casa de inverno de Ian Fleming, o homem por trás dos livros. Os livros e filmes do 007 estão cheios de referências jamaicanas, particularmente nas três histórias gravadas na ilha: Dr No, Live and Let Die e The Man with the Golden Gun, mas há muito mais do que aparenta quando se trata à ligação de Bond com a Jamaica.

Em preparação para o próximo blockbuster do 007 que está sendo filmado na ilha este ano e que será lançado em abril de 2020, os fãs podem viajar para os locais frequentados pelo autor e seus personagens. Quer seja se hospedando no resort Half Moon, onde Bond passou uma noite com Rosie Carver, ou relaxando em Laughing Waters Beach, onde Ursula Andress iconicamente emergiu da água, ou até mesmo visitando os locais menos conhecidos onde Dr. No e Live and Let Die foram filmados, Jamaica é o local ideal para os turistas entrarem de cabeça no universo do 007.

A cena famosa com Ursula Andress encontrando James Bond pela primeira vez foi filmada na praia privativa chamada Laughing Waters, em Ocho Rios. Outras cenas foram filmadas na mundialmente famosa Dunns River Falls.

Confira algumas curiosidades:

A cidade capital da Jamaica, Kingston, foi a locação principal para gravação de Dr. No.

A casa do Governador Geral da Jamaica, hoje chamada Casa do Rei, foi usada no Dr. No como a Casa do Governo, onde Bond O Grand Port Royal Hotel, (antigo Morgan's Harbour Hotel) em Kingston, foi locação de filmagem em Dr. No e aparece em várias cenas do filme.

A icônica banda jamaicana de soca, The Dragonnaires liderados por Byron Lee, gravaram e tocaram, 'Jump Up' no filme Dr. No e estão na primeira trilha sonora de Bond.

Ernest Ranglin, o famoso guitarrista de Jazz e Blues da Jamaica, aparece várias vezes na trilha sonora de Dr. No, incluindo "Under the Mango Tree", com sua esposa Dianna Coupland.

O Reynolds Pier em Ocho Rios, parte da instalação de navios de cruzeiro de Ocho Rios, foi usado como Crab Cay no Dr. No.

Ian Fleming era um atento observador de pássaros e se apropriou do nome James Bond de um importante ornitólogo americano. O verdadeiro James Bond apareceu com sua esposa em Goldeneye em 1964. Fleming disse que ele estava "terrivelmente divertido com a coisa toda".

A primeira Bond girl dos livros, Vesper Lynd de Casino Royale, recebeu o nome de um coquetel que Ian recebeu na Jamaica, uma mistura de rum, frutas e ervas congeladas.

As cenas desoladas do Crab Cay em Dr. No foram filmadas no pântano seco de Falmouth em Trelawny.

Duas das famosas heroínas de Ian Fleming, Solitaire de Live and Let Die e Domino, de Thunderball, são nomeadas em homenagem a raras aves jamaicanas.

Jamaica foi o local do filme para a ilha fictícia de San Monique no filme Bond, Live and Let Die.

A Agaxtur Alphaville oferece pacotes para a Jamaica. Mais informações: (11) 3090-7090 e 98811-6620. 

Veja mais notícias sobre Caderno A.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Quarta, 13 Novembro 2019

Siga a Folha

INFORME SEU ENDEREÇO DE E-MAIL:

Por favor habilite seu javascript para enviar este formulário